02 DE JULHO DE 2020

A Tropa nas ruas


O Berro do Bode Zé
06 de setembro de 2019


Seis horas da manhã e congestionamento na Rua Santo Antônio parece piada, quando se trata do trânsito local, mas foi o que aconteceu certa manhã destas últimas. Na hora de cada qual seguir seu rumo para o trabalho, veículos não desciam e outros não subiam; sabem o porquê? Havia uma tropa no meio do caminho. Calma, gente, não se trata de tropa militar, porque isso já passou. Era mesmo tropa formada por equinos e muares – às vezes, bovinos também – que pastam ou passeiam pelas ruas, circulam na estação rodoviária, ou seja, fazem da localidade uma grande fazenda, ou grande pasto na visão animal. Quando se iniciará a apreensão, anunciada pela prefeitura, há cerca de um mês ou pouco mais?

Purquá nelá fermê vupá?

Incêndio no campo ou na mata é algo que deve ser prevenido para não acontecer, combatido quando acontece, investigadas suas causas e severamente punida sua autoria, se a causa é, comprovadamente, criminosa. No Brasil, entre as causas desse tipo de incêndio citam-se; a ignorância (preparo da terra para cultivo); irresponsabilidade (exemplo: tocos de cigarros lançados à beira de rodovias); e crime proposital, quando o indivíduo ateia fogo diretamente no mato. Infelizmente, a Amazônia está entre as vítimas desses incêndios, todos os anos, por ocasião da seca, mas no ano em curso acrescente-se o incêndio político, que alguns líderes mundiais querem provocar, e, nele lançar o Brasil. A Amazônia é a maior floresta do mundo, porém não a única, e também não a única a sujeita a incêndios. Entretanto, arma-se uma gritaria contra o Brasil, incluindo-se aí ameaças à soberania brasileira, quando se bate na tecla da internacionalização da floresta amazônica. Ocorrem incêndios em todas as partes do mundo como, por exemplo: na Califórnia (EUA) todos os anos; na Austrália, constantemente; também Portugal e Grécia, recentemente pegaram fogo. Esses países nunca sofreram ou tiveram sua soberania ameaçada, por causa de incêndios – e com muita vítimas fatais, diga-se de passagem. Por que somente o Brasil é culpado? O senhor Emmanuel Macron, presidente da França, é o que tem mantido a língua mais solta. Está na hora de repetir-lhe o que disse o rei de Espanha ao Hugo Chavez, então presidente da Venezuela: Por que não te calas? – Monsieur Macron, pourquoi ne la fermez-vous pas? (pronúncia: purquá nelá fermê vupá?)

Veja mais


O Berro do Bode Zé
01 de jul de 2020
Falta autoridade...

O Berro do Bode Zé
22 de jun de 2020
Fugir da quarentena pode ser crime...












ITABIRITO
OURO PRETO
MARIANA
BRASIL
MUNDO
ARTIGOS
GALERIA
EDIÇÕES
SOBRE NÓS

 CONTATO
       

PARCEIROS