07 DE ABRIL DE 2020

Fundação Renova adota medidas de prevenção contra o coronavírus


Mariana
17 de março de 2020

Seguindo as recomendações da Organização Mundial de Saúde (OMS) e diante do aumento dos casos de contaminação pelo coronavírus no Brasil, a Fundação Renova, responsável pela reparação e compensação dos danos decorrentes do rompimento da barragem de Fundão, em Mariana (MG), decidiu adotar medidas de prevenção e segurança para a comunidade em geral. O objetivo é minimizar as chances de contágio de atingidos, funcionários e parceiros nos territórios em que atua. A Fundação reitera que, mesmo diante das medidas tomadas, o trabalho de reparação segue seu curso. Todas as unidades, escritórios e canteiros de obras da Fundação receberam orientações sobre cuidados com a higiene e outras ações que ajudam a conter a propagação do vírus, segundo os protocolos da OMS. As equipes de Diálogo e a de Relacionamento Institucional deverão reavaliar as reuniões marcadas, prioritariamente as coletivas, e buscar alternativas para manter a interação com o público interessado, assim como o Comitê Interfederativo (CIF) e as diferentes instâncias de Governança. Os canteiros de obras, como os reassentamentos, continuam funcionando. Estão sendo providenciadas tratativas para minimizar aglomerações nos transportes e no refeitório. Os profissionais que atuam em escritórios de obras adotaram escala reduzida, de acordo com as orientações dos gestores. A Fundação Renova acompanha a evolução do histórico da transmissão do coronavírus em todo o território e continuará adotando ações de prevenção e segurança por região de acordo com os protocolos regionais, nacionais e internacionais, caso seja necessário.

Veja mais













ITABIRITO
OURO PRETO
MARIANA
BRASIL
MUNDO
ARTIGOS
GALERIA
EDIÇÕES
SOBRE NÓS

 CONTATO
       

PARCEIROS