08 DE AGOSTO DE 2020

Que cada um se cuide, sem relaxar e sem exagerar


O Berro do Bode Zé
13 de abril de 2020


O tal coranavirus, novo e travestido de COVID-19, está à solta por aí e faz das suas junto à população, parte da qual nem sente sua presença, mas, por causa disso mesmo, constitui perigo para outra parte bastante suscetível de receber o bicho e contrair a doença. Para evitar esse contágio traiçoeiro, que pode demorar até quatorze dias para se manifestar, obriga-se a população a manter o distanciamento entre as pessoas. Como cautela e canja de galinha não fazem mal a ninguém, acrescentando-se que ninguém sabe em quem o bicho está presente, o melhor é manter distância, como diz a tabuleta nas traseiras dos caminhões. É isso mesmo! Se uma “gata” estranha der sinais para aproximação, caia fora pois não se sabe onde está o perigo, valendo o conselho para o outro lado também.

Namoro novo, agora, só à moda antiga: olho no olho!...  e de longe! Felizmente, o comportamento não é generalizado, mas boa parcela não tem observado o distanciamento em público. Aglomerações em supermercados, nas praças ou quaisquer lugares podem ser focos de contágio. Tem-se observado que, nas filas de bancos, há marcações na calçada, para se manter a distância requerida, mas, nem sempre, as pessoas lhes dão atenção. Contudo, se há relaxamento por parte de alguns, outros exageram no sentido contrário. Há gente que se trancou, quando decretada a quarentena, e não atende à porta, nem para receber dinheiro. Longe de ser clausura, esta quarentena se cumpre não saindo à rua desnecessariamente; saídas necessárias são as com destino ao supermercado, à farmácia e ao banco, quando o requerido não dá para se fazer online. Há que tomar sol e fazer exercícios. Caminhadas podem ser feitas, isoladamente, em hora e local com pouco ou nenhum movimento. Há que ter muito cuidado, cumprindo as regras determinadas. Mas, o medo deve ser banido, totalmente. 

Veja mais


O Berro do Bode Zé
04 de ago de 2020
Quousque tandem abutere, mercatur, patientia nostr...

O Berro do Bode Zé
29 de jul de 2020
Quousque tandem abutere, imperium, patientia nostr...












ITABIRITO
OURO PRETO
MARIANA
BRASIL
MUNDO
ARTIGOS
GALERIA
EDIÇÕES
SOBRE NÓS

 CONTATO
       

PARCEIROS