06 DE JULHO DE 2020

Queimadas aumentam na Região dos Inconfidentes e Bombeiros alertam sobre os riscos


Itabirito
08 de junho de 2020


De acordo com o artigo nº250 do Código Penal Brasileiro causar incêndios é crime

Por Glauciene Oliveira

Nesta época do ano, o ar seco e a estiagem predominam no Brasil. A baixa umidade do ar inibe o crescimento das nuvens e a incidência de chuvas. As queimadas aumentam neste período, pois a falta de chuva deixa o solo e a vegetação cada vez mais secos, o que facilita o alastramento dos focos de fogo. Na Região dos Inconfidentes, os registros de queimadas em áreas de vegetação também aumentaram.

Segundo a Corporação dos Bombeiros Municipal de Itabirito, a causa mais frequente das queimadas na região é a ação humana. Ou seja, as pessoas ainda têm o costume de utilizar o fogo para promover a limpeza de terrenos, a queima da vegetação ou de lixos. “Geralmente, as pessoas querem limpar seus lotes e colocam fogo e uma área maior é atingida. Temos as ocorrências de incêndios criminosos também. Por isso, é importante que o cidadão faça contato com a para denunciar.”, explicou a bombeiro, Karina Almeida.

De acordo com o artigo nº250 do Código Penal Brasileiro, causar incêndio, expondo a perigo a vida, a integridade física ou o patrimônio alheios, inclusive em lavoura, pastagem, mata ou floresta, pode gerar uma pena de reclusão, de três a seis anos, e multa. Se o incêndio for culposo (sem intenção) a pena de detenção é de seis meses a dois anos.

Segundo Karina, só em 2020 a corporação já atendeu cerca de 20 ocorrências de queimadas ilegais. “Os meses em que mais atuamos com o combate à incêndios vai de junho a outubro. Meses de maiores índices de seca”, apontou.

A bombeiro destaca a importância da denúncia, para que assim eles possam atuar e conter os focos de incêndio de forma efetiva. “A denúncia pode ser feita na Secretaria de Meio Ambiente, que são os responsáveis pela notificação e parte legal da ação, no 156 dos Bombeiros, onde atuamos direto na ação de conter o incêndio ou no 199”, ressaltou.

Em Mariana e Ouro Preto os registros de queimadas podem ser realizados através do telefone do Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais, o 193. 

Perigos

De acordo com a Organização Mundial de Saúde, a umidade do ar ideal compreende a faixa entre 50 e 80%. Entretanto, em algumas épocas do ano, como no inverno, ela tende a cair, inclusive, abaixo de 30%. As queimadas contribuem ainda mais para queda da umidade, que pode acarretar em inúmeros prejuízos para a saúde.

Isso acontece devido ao ressecamento e inflamação das mucosas (nariz, boca e olhos). Essas partes do corpo desempenham um papel de barreira física à entrada de substâncias nocivas, o clima seco propicia a entrada desses agentes e com isso o organismo humano acaba se sobrecarregando.

Coibir as queimadas neste ano, além de uma ação de proteção ambiental, é também uma medida de saúde. Se considerarmos a pandemia do COVID-19 o problema se agrava ainda mais, pois as internações por doenças respiratórias podem aumentar sobrecarregando ainda mais os hospitais que já estão recebendo os pacientes infectados pelo coronavírus.

Álbum de Fotos

Veja mais













ITABIRITO
OURO PRETO
MARIANA
BRASIL
MUNDO
ARTIGOS
GALERIA
EDIÇÕES
SOBRE NÓS

 CONTATO
       

PARCEIROS