18 DE JANEIRO DE 2019

Serviço não funciona mas cobrança não para


O Berro do Bode Zé
09 de novembro de 2018


No mundo da comunicação pessoa a pessoa, vive-se uma situação paradoxal, inversa à realidade do passado e cada vez mais conflitiva com as necessidades do momento. No passado sobravam pessoas isoladas, no mundo, por falta de meios de comunicação, cujo acesso restringia-se a privilegiados. Dos fatos ligados à pessoa, porém acontecidos à distância, só se tinha conhecimento casualmente e bem longe no tempo. Num salto, meios e recursos de comunicação se ampliaram, tornando os momentos compartilháveis, instantaneamente, em todo o mundo. Mas, na cabeça de muitas pessoas, embora conectadas a tudo, em qualquer lugar e momento, não é assim que funciona; recebem e enviam informações em massa sobre trivialidades, mas o essencial, o exigível, na relação entre duas pessoas, é deixado de lado, como se nada estivesse a acontecer. Assim, a encontros marcados uma da partes não comparece e deixa de informar à outra; negócio combinado deixa alguém frustrado porque, do outro lado o outro se omite, ou desiste, e não informa previamente; informação necessária e urgente deixa de ser passada e quem dela necessita é prejudicada. Em termos de comunicação é como se as pessoas estivessem a morrer de sede, enquanto mergulhadas na água até o pescoço! Em relação às empresas do setor, a realidade não é diferente quando se trata de o usuário reclamar, por exemplo, contra falha no serviço. Recursos tecnológicos (os aplicativos) substituem pessoas com a intenção de agilizar o atendimento e dar solução rápida a problemas técnicos, mas o que se vê são casos de telefones inoperantes, porque a “máquina”, que deveria consertá-lo, não ouve e não dialoga com o usuário. Assim é que um aparelho, ligado à rede e submetido ao serviço de suporte por não receber chamadas, é dado como não existente. É inexistente para quem dele necessita, porque para o sistema de cobrança da operadora ele existe, não deixando de emitir e enviar uma só fatura. Mas, o que esperar de operadora que atende pelo nome Oi? Oi é breque de boi!



Veja mais


O Berro do Bode Zé
11 de jan de 2019
A pilantragem como marketing...

O Berro do Bode Zé
28 de dez de 2018
A ordem foi: não deixar pedra sobre pedra!...













QUER FICAR POR DENTRO DAS NOVIDADES? CLIQUE E CADASTRE O SEU EMAIL, PROMETEMOS NÃO ENVIAR SPAM!
ITABIRITO
OURO PRETO
MARIANA
BRASIL
MUNDO
ARTIGOS
GALERIA
EDIÇÕES
SOBRE NÓS

 CONTATO
   

PARCEIROS