20 DE SETEMBRO DE 2019

Prefeitura de Itabirito orienta população sobre as melhores formas de evitar acidentes com escorpiões


Itabirito
21 de dezembro de 2018


Com a chegada do verão e do período chuvoso, aumenta o número de escorpiões no ambiente urbano. Apesar de importantes para o ecossistema, a picada do animal pode trazer risco à saúde das pessoas.

Para evitar acidentes, a Vigilância em Saúde Ambiental de Itabirito realiza uma série de ações durante o ano para controlar a proliferação do animal. Só em 2018, o departamento realizou 21 mutirões de limpeza em 28 bairros da cidade, em parceria com o setor de Limpeza Urbana, evitando o acúmulo de lixo e entulhos. Além disso, foram realizadas mais de 300 visitas preventivas para o controle de animais de importância em saúde, incluindo o escorpião.

No entanto, algumas espécies se reproduzem sem a necessidade do macho, o que permite que uma fêmea tenha de 20 a 25 filhotes por vez, facilitando infestações. Esse é o caso do escorpião-amarelo, da espécie Tityus serrulatus, encontrado em nossa cidade e em quase todo o Brasil. Dessa forma, a colaboração da população é essencial para a prevenção de acidentes.

Confira algumas orientações do biólogo e coordenador técnico da Vigilância em Saúde Ambiental, Leonardo de Freitas, para evitar acidentes:

  • A aplicação de venenos é ineficaz para o extermínio de escorpiões. Esses animais possuem um sistema respiratório capaz de fazer com que fiquem paralisados por muito tempo, podendo viver escondidos sem se mover e sem se alimentar. Após esse período, eles saem do seu habitat natural e podem procurar proteção dentro das casas, armários e outros locais, sem sofrer a ação do veneno;
  • Escorpiões se alimentam basicamente de baratas. Por isso, não acumule lixo, restos de comida, entulho ou material de construção no quintal. Use luvas de couro ao manipular esses materiais.
  • Os lagartos conhecidos como calangos se alimentam de escorpiões. Dessa forma, são grandes aliados nesta luta.
  • Tampe os ralos, buracos, tomadas não utilizadas, rachaduras, bem como frestas em baixo da porta de sua residência;
  • Deixe berços e camas afastados da parede. Não deixe cobertas e lençóis caídos em contato com o chão;
  • Tenha cuidado com casinha de bonecas, caixas de brinquedos, tocas, barracas e piscinas de bolinhas onde só a criança entra. Faça inspeções antes de sua utilização;
  • Mantenha seu quintal sem mato e com a grama aparada;
  • Cuidado com toalhas encostadas na parede e pano de chão úmido;
  • Ensine seus filhos sobre a importância de manter distância dos escorpiões. Mostre fotos;
  • O animal tem preferência por locais frescos e úmidos (restos de entulho, montes de folhas, madeiras velhas, etc.). Dentro das residências, eles têm preferência por roupas limpas, cesto de roupas sujas e calçados fechados. Cheque sempre antes de calçar qualquer sapato e ensine seus filhos a fazer o mesmo procedimento. O escorpião também gosta de móveis de madeira e canos de esgoto. Tenha cuidado com os bebês curiosos que engatinham e mexem em qualquer coisa. Revise diariamente a cama e berço;
  • Escorpiões não atacam. As picadas acontecem quando a pessoa encosta ou pisa nele;
  • Jamais passe álcool ou outro produto no local da picada. Apenas lave com água e sabão e procure imediatamente um serviço de urgência, como a UPA 24 horas;
  • A picada do escorpião é bastante dolorida e não causa inchaço ou qualquer alteração visual. Se a criança apresentar muita dor e você não tiver visto o que a picou, leve-a para a UPA 24 horas imediatamente. Se identificou o animal, leve também o escorpião em um vasilhame seguro. É sempre importante informar ao profissional de saúde as características do animal, como tipo, cor, tamanho, entre outras;

Para mais informações, entre em contato com a Vigilância em Saúde Ambiental pelo telefone (31) 3561-4033.


Veja mais

















QUER FICAR POR DENTRO DAS NOVIDADES? CLIQUE E CADASTRE O SEU EMAIL, PROMETEMOS NÃO ENVIAR SPAM!
ITABIRITO
OURO PRETO
MARIANA
BRASIL
MUNDO
ARTIGOS
GALERIA
EDIÇÕES
SOBRE NÓS

 CONTATO
   

PARCEIROS