02 DE JULHO DE 2020

Falta de infraestrutura de rua de Itabirito vira matéria do Rede Globo Minas


Itabirito
03 de agosto de 2018


Caso foi abordado pela reportagem do jornal O Liberal em maio

 

Em maio deste ano, o Jornal O Liberal divulgou uma matéria relatando a situação dos moradores da Rua Gianete Batista Ferreira, do bairro São José em Itabirito. Há quatro anos eles relatam que sofrem com a falta de infraestrutura do local. Como forma de chamar a atenção do poder público, para que alguma ação seja realizada, os moradores da referida rua fizeram uma a denúncia à Rede Globo Minas, que esteve no local na segunda-feira (30).

A Globo Minas foi até Itabirito para uma reportagem ao vivo dentro do quadro MG Móvel, exibido dentro do telejornal MG1. Os moradores contaram os transtornos do dia a dia, principalmente quando chove e o chão se transforma em lama.

Procurada pela reportagem do jornal O Liberal em maio, o executivo informou que não pode promover nenhuma ação no momento, pois se trata de área de ocupação irregular. O secretário de Urbanismo, Marco Aurélio Rocha, reafirmou à emissora de TV que não é possível asfaltar a rua por ser área proveniente de divisão de dois terrenos. “Aqui é uma situação típica de parcelamento irregular do solo. Eram duas chácaras grandes e a população chegou parcelando o local, nada com planejamento. Uma das situações que a prefeitura já está trabalhando para resolver e que a população já estava ciente, nos loteamentos que estão com parcelamento irregular, foi a caixa d’água que colocamos no ponto mais alto para atender na questão de abastecimento de água. É preciso fazer uma regularização fundiária para promover qualquer ação”, explicou o secretário em entrevista ao MG1.

De acordo com os moradores, há quinze anos a situação é crítica, mas que há quatro, desde que a rua foi registrada, nada é feito. “Estamos cansados. A prefeitura só promete e nada é feito. É muito difícil essa situação. Estamos abandonados”, lamenta a o morador Valmir Batista. “Eu trabalho com van e as vezes tenho que deixá-la na rua, pois não tem condições de chegar até a minha garagem. O meu instrumento de trabalho, sustento da minha família, ficando sem segurança”, desabafa Valmir.

Veja mais













ITABIRITO
OURO PRETO
MARIANA
BRASIL
MUNDO
ARTIGOS
GALERIA
EDIÇÕES
SOBRE NÓS

 CONTATO
       

PARCEIROS